Ação, Ações, Stocks, Bovespa, Mercado Financeiro, Opções

Mural de noticias da Alpha Fintec

Reuters: Fusão e aquisição em serviços públicos da Alemanha impulsiona índices europeus
Os mercados acionários europeus atingiram o nível mais alto em quase duas semanas nesta segunda-feira, impulsionados pelos ganhos em serviços públicos alemães depois que os principais agentes do setor anunciaram uma grande reforma da indústria .As ações relacionadas a serviços públicos em outros países aumentaram diante do otimismo com novas fusões e aquisições no setor. O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,24 por cento, e o pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,25 por cento. O índice de serviços públicos avançou 1,1 por cento, liderando os ganhos entre os setores na Europa.

Os mercados acionários europeus atingiram o nível mais alto em quase duas semanas nesta segunda-feira, impulsionados pelos ganhos em serviços públicos alemães depois que os principais agentes do setor anunciaram uma grande reforma da indústria.

As ações relacionadas a serviços públicos em outros países aumentaram diante do otimismo com novas fusões e aquisições no setor.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,24 por cento, a 1.483 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,25 por cento, a 379 pontos, nível mais alto desde 28 de fevereiro.

O índice de serviços públicos avançou 1,1 por cento, liderando os ganhos entre os setores na Europa.

Houve poucos dados econômicos durante a sessão e os investidores aguardam números de inflação nos Estados Unidos na terça-feira para avaliar a velocidade em que o Federal Reserve elevará a taxa de juros nos Estados Unidos este ano.

As ações da Innogy lideraram o mercado com alta de 12 por cento após a controladora RWE e a rival E.ON dizerem que irão fragmentar a maior empresa de energia da Alemanha por valor de mercado e dividirão seus ativos.

A RWE e a E.ON, registraram o segundo e terceiro maiores ganhos, com altas de 9,2 e 5,3 por cento, respectivamente.

O índice do setor automotivo subiu 0,4 por cento, ignorando um tuíte do presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçando impor impostos sobre veículos europeus importados para os EUA se a União Europeia retaliar as tarifas de aço.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,13 por cento, a 7.214 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,58 por cento, a 12.418 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,04 por cento, a 5.276 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,08 por cento, a 22.764 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,43 por cento, a 9.727 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,27 por cento, a 5.438 pontos.